Pesquisa da Anatel mostra a satisfação geral com a telefonia brasileira

natel divulgou na última terça-feira (29) os resultados de uma pesquisa destinada a medir a satisfação e a qualidade percebida pelos consumidores em relação a serviços de telefonia, banda larga fixa e telefonia móvel (pós e pré-paga) no Brasil. A pesquisa usa como base 150 mil ligações telefônicas realizadas durante o segundo semestre de 2015.
Em nível nacional, a telefonia fixa foi o serviço mais bem avaliado, obtendo 6,97 (de 10 pontos possíveis) em sua nota de satisfação. Ela foi seguida pela telefonia celular pós-paga (6,72), pré-paga (6,62) e pela banda larga fixa (6,58). A pontuação representa tanto a percepção dos consumidores sobre a qualidade dos serviços prestados quanto aspectos como o funcionamento, a cobrança, a oferta e a contratação de serviços, entre outros.
Segundo a Anatel, as principais insatisfações dos consumidores brasileiros estão relacionadas ao atendimento telefônico das prestadoras (incluindo o tempo de espera para falar com um atendente) e a capacidade delas de resolver demandas (como mudar planos ou corrigir faturas que contêm alguma espécie de erro).

Melhorando a prestação de serviços

A pesquisa também detectou que, em alguns casos, metade dos entrevistados havia entrado em contato com uma prestadora nos seis meses anteriores para resolver problemas de cobrança ou pedir reparos de serviços. Segundo a superintendente de relações com os consumidores da Anatel, Elisa Leonel, o estudo é necessário para permitir uma compreensão melhor de como as empresas da área estão atuando no Brasil.
Elisa Leonel, superintendente de relações com os consumidores da Anatel
“Em primeiro lugar, ao publicarmos os resultados, estamos dando ao consumidor informações essenciais para que ele possa escolher qual prestadora irá contratar. Ao mesmo tempo, a pesquisa dá à Anatel informações essenciais para que ela possa direcionar suas ações de fiscalização, de controle e mesmo os seus regulamentos para solucionar os problemas que mais geram insatisfação nos consumidores”, afirmou.

Operadora de tv lançou receptor do tamanho de um pendrive

Operadora de tv lançou receptor do tamanho de um pendrive

Ao preço de 39 euros, a operadora de tv europeia Orange vai lançar no dia 9 de julho um receptor de tv por assinatura para os seus assinantes do tamanho de um pendrive.


O receptor Stick Orange TV, tem um funcionamento bastante similar ao Chromecast do Google e possibilitará aos assinantes da Orange acessarem os pacotes de canais contratados através de qualquer conexão de internet, por enquanto os canais serão oferecidos somente em qualidade SD.
De qualquer maneira o Stick TV da Orange tem uma grande vantagem em relação a outros receptores OTT lançados por outras operadoras na Europa, como o Cube S da Canal+, por exemplo, do qual falamos na matéria Acredite: este é o novo receptor de uma grande operadora que não quer mais usar satélites, o Stick TV da Orange é um receptor de tv por assinatura de bolso que facilita ao assinante levar os pacotes de tv paga contratados para assistir em qualquer local para onde ele se deslocar ou viajar.
Basta que ele tenha acesso a uma conexão de internet e a uma tela com entrada HDMI e altofalantes.
O Stick TV da Orange, assim como ocorre com o Chromecast e outros dongles similares como o EzCast, é conectado à porta HDMI da televisão ou monitor de vídeo e recebe a energia necessária para funcionar através de um cabo USB conectado à porta Micro USB do aparelho.
Em alguns países, como a Romênia, a Orange irá oferecer pacotes de 70 canais, inclusive alguns que são somente transmitidos em formato HD por lá, mas que estarão inicialmente recompilados para uma resolução menor.
Além dos canais da tv por assinatura a Orange vai oferecer conteúdo de vídeo on demand através deste receptor Stick além de conteúdo em vídeo produzido por alguns canais de notícias da Europa.
O aplicativo que controla TV Stick da Orange poderá ser instalado em smartphones e dará prioridade a conteúdos conforme o perfil do usuário.
O aplicativo do Orange TV Stick também servirá como uma segunda tela mostrando informações sobre o conteúdo que está sendo exibido através do aparelho conectado à televisão.
Há cerca de três meses a operadora demonstrou este aparelho durante a MWC 2015, confira o vídeo com a demonstração do Stick Tv da Orange abaixo.

Melhor tv por assinatura que existe no Brasil, qual é?

assinatura que existe é aquela que vai se adaptar melhor ao perfil que o cliente necessita.
Não adianta a operadora ter centenas de canais se na hora de ela montar os pacotes de canais para vender aos seus assinantes ela oferece combinações que não vão atender às necessidades do assinante ou que vão incluir os canais que o assinante realmente vai assistir somente nos pacotes mais caros.
Infelizmente, ao assinar um pacote de tv por assinatura o cliente ainda age por impulso e as duas ações mais erradas que ele toma é:
– assinar com uma operadora por que ele prefere a marca X ou Y ou
– assinar um pacote X por que nele está incluído os canais premium de filmes Y.
Tenho visto muita gente errando ao assinar com uma operadora simplesmente por que prefere a marca tal, e na hora que o decodificador da operadora está em casa os canais não eram tão interessantes quanto a pessoa achava e bate o arrependimento.
Aí a solução é pagar um pacote mais caro ou mudar de operadora pagando a tal multa de fidelidade.
Assinar um pacote de canais por que tem os canais Telecine ou HBO também pode ser um outro grande erro, o mais comum atualmente. Tem muita gente que não tem perfil para ficar assistindo muitos filmes, ou que não tem perfil para ficar assistindo filmes nas horas marcadas por estes canais premium de filmes.
Aí a pessoa até gostaria de ver os filmes que passam nestes canais mas nunca está em casa na hora que eles passam ou nunca pode parar para assistir na hora em que o filme vai passar.
Resultado: ele tem os canais HBO ou Telecine para contar aos amigos que tem e pagar um pouco mais de assinatura mensalmente, mas desfrutar dos canais mesmo, não desfruta.
Quando são divulgados os rankings de audiência dos canais da tv paga geralmente os canais premium de filmes tem baixa audiência, dinheiro que o assinante poderia estar investindo em outro tipo de pacote de canais.

Como escolher a melhor operadora de tv por assinatura

Então qual é maneira mais fácil de descobrir é a melhor operadora de tv por assinatura para o meu perfil?
Fácil, descubra quais são os canais que você realmente assiste, não se deixe levar por aqueles que só tem nome e você quase nunca assiste.
Aqui em casa por exemplo, tem dois pontos Oi TV que agora estou trocando pela GVT TV.
Quando eu liguei para a GVT TV eu já sabia o que eu precisava, um pacote de canais que contivesse os canais Cartoon Network, Nick Jr, History Channel e Identidade Discovery.
A televisão aqui em casa fica ligada o tempo todo zapeando entre estes canais, os outros são praticamente enfeite e nós podemos sobreviver tranquilamente sem eles.
Achei o melhor pacote para mim dentro de uma promoção que incluía telefone fixo e internet, pronto, esta para mim foi a melhor tv por assinatura que eu poderia necessitar.
Você também pode encontrar qual é a melhor tv por assinatura para a sua família, antes de fechar um pacote com a Sky, Net, Claro TV, Oi TV, Vivo TV e tantas outras, a melhor coisa que você tem a fazer é descobrir os canais que realmente vai assistir, procurar o pacote que mais se adequa ao total que você pode pagar mensalmente e então assinar este pacote.
Neste caso, seguindo a regra direitinho, além da melhor tv por assinatura você ainda vai ter a tv por assinatura que não exagera no valor mensal que ela tira do seu bolso.